Magnata russo denuncia "guerra absurda" e "massacre" na Ucrânia

  • NotíciasMundo